Aviso aos navegantes deste blog

Prezados amigos, estive internado em hospital,em caráter de emergência,entre 04 de julho e 26 de julho de 2010.Durante esse período,fiquei impossibilitado de atualizar este tão querido blog. Além do mais,ao regressar à minha residência constatei que o meu PC também não estava funcionando a contento.Somente depois de sanados todos os problemas do computador, poderei ler as inúmeras mensagens recebidas e respondê-las.Meu estado de saúde melhora a todo momento, mas permaneço sendo submetido a hemodiálise , às 3as, 5as e sábados, por períodos de 4 horas.Procurarei mantê-los informados. Ótimas Notícias: 1.Depois de longo período inativo, nosso computador já está recuperado!!! 2.Apesar desse longo período de inatividade, o blog www.esperantoforadatoca.blogspot.com foi incluído no rol dos concorrentes que estão participando do concurso TopBlog2010,na categoria COMUNICAÇÃO( pessoal). Detalhe: na lista, em ordem alfabética, dos selecionados,procurar dentre os que começam com as letras "www". Prazo para votação :O período de votação do SEGUNDO TURNO pelo Júri Popular (Internauta) e avaliação pelo Júri Acadêmico é do dia 10/10/2010, às 02:00am até 10/11/2010, às 11:55pm horário de Brasília. Abraços do amigo de sempre Fernando J G Marinho

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Noticiário Esperantista (semana de 27/09 a 03/10/2009)

Fabiano Henrique

Crise econômica dá prejuízo milionário ao movimento esperantista

A crise econômica mundial fez evaporar aproximadamente 1,5 milhão de dólares de uma das principais instituições esperantistas. A entidade norte-americana Esperantic Studies Foundation é responsável por financiar e administrar projetos de fomento à língua internacional neutra. Segundo o site noticioso Libera Folio, os últimos resultados apurados dão conta do decréscimo de metade do capital aplicado no mercado financeiro.

Apesar do incontestável prejuízo, o vice-presidente, Mark Fettes, apontou para uma luz no fim do túnel. As contas vêm se reequilibrando, após a implementação de cortes de despesas e outras medidas de médio e longo prazo.

A Esperantic Studies Foundation é responsável, entre outras iniciativas, pelo portal Lernu.net e pelos cursos anuais de esperanto na Universidade da Califórnia. A fundação começou a operar em 1968. Em 1999, recebeu a quantia de três milhões de dólares, deixada em testamento pela esperantista Cathy Schulze.


Rio de Janeiro despede-se de esperantista atuante


Faleceu, na madrugada de 30 de setembro, a esperantista carioca Zilda Ferreira. O passamento deu-se por volta das 4h, em decorrência de complicações cardíacas. O velório aconteceu na capela C (Santa Isabel), no Cemitério de Inhaúma. O sepultamento ocorreu nessa mesma necrópole horas depois, às 16h.

Zilda Ferreira era membro atuante da Cooperativa Cultural dos Esperantistas. Costumava viajar pelo mundo com seu marido, Almir Ferreira, utilizando o esperanto.

Em 2003, o casal adquiriu um apartamento em um condomínio em construção, no bairro do Engenho de Dentro, na Zona Norte do Rio de Janeiro. O imóvel foi destinado a hospedar esperantistas em visita ao Brasil. Mais tarde, por iniciativa da família, o condomínio foi batizado com o nome Esperanto.

Era comum Zilda Ferreira ser vista em manifestações públicas em favor da língua internacional neutra. Recentemente, vinha ultimando preparativos para o próximo ago-tago, o dia de divulgação do esperanto nas ruas, a efetuar-se na manhã de três de outubro.


Parlamentares aprovam verba para o movimento esperantista


A assembléia legislativa do cantão suíço de Neuchâtel solicitou ao executivo local estudos sobre a viabilidade da concessão de apoio financeiro às atividades esperantistas da região. A notícia foi dada na última semana pela Rádio RTN. O projeto, protocolado pelo parlamentar Alain Bringolf, do Partido Trabalhista, foi aceito em plenário, recebendo 60 votos a favor e 41 contra. Entre as instituições beneficiadas estão o Centro Cultural Esperantista, localizado em Chaux-de-Fonds, e o Centro de Documentação e Pesquisas da Língua Internacional.


Mais uma biblioteca recebe livros de esperanto


Mais um pacote de livros de esperanto foi doado a uma instituição pública. Conforme nota divulgada pela Assessoria de Comunicação da Cooperativa Cultural dos Esperantistas, a contemplada da vez foi a Biblioteca Popular Municipal Manuel Ignácio da Silva Alvarenga. A entidade está situada na Praça Thelmo Gonçalves Maia, s/n, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Remeteram-se, ao todo, dez obras didáticas e literárias. A iniciativa faz parte da campanha O Esperanto nas Bibliotecas, coordenada por Aloísio Sartorato e Maria das Graças Carâp. Desde julho de 2001, foram doados mais de mil livros a 84 entidades brasileiras e 11 estrangeiras.


Turismo esperantista em alta temporada


O turismo esperantista encontra-se em alta na Europa. Entre os dias três e dez de outubro, acontece a XVII Semana Internacional de Cultura e Turismo. As atividades irão ocorrer no município de Piñeda de Mar, próximo a Barcelona. O evento acontecerá em um hotel de alto nível, onde haverá palestras, cursos, passeios e apresentações artísticas. Para o mesmo período, está marcada a Semana de Outono, a realizar-se na Romênia. Os participantes irão desfrutar de quatro dias de excursões ao delta do Rio Danúbio, além de tomar parte na reunião anual de ferroviários esperantistas. Também está marcada para o dia quatro de outubro a caminhada ao Monte Esperanto, próximo a Budapeste, na Hungria.


Evento esperantista em Jacarepaguá é a pedida do fim-de-semana


Está marcado para o próximo domingo, dia quatro de outubro, o III Encontro do Grupo de Estudos Francisco Valdomiro Lorenz. As atividades vão das 8h30 às 13h. O evento terá lugar na Sede do Bosque da Freguesia, situada na Avenida Tenente-coronel Muniz de Aragão, s/n, em Jacarepaguá. Pode-se entrar pelo estacionamento do Rio Shopping, na Estrada do Gabinal, 313.


Bangu prepara-se para receber encontro de esperanto


Acontecerá, no dia 22 de novembro, mais um Encontro Esperantista da Zona Oeste. As atividades terão lugar na Escola Municipal Henrique de Magalhães, situada na Rua da Fábrica, 235, em Bangu, no Rio de Janeiro. O evento estender-se-á das 10h às 17h.


Opinião do leitor


O leitor Gersi Bays, de Santa Catarina, comenta a nota Encontro de esperanto sobre trilhos causa furor, publicada na última edição do Noticiário Esperantista. Segundo ele, a informação prestada pelos organizadores do Congresso de Esperanto da Ásia de 2010, é incorreta, ao afirmar que se trata da primeira vez que um evento esperantista ocorrerá em movimento, sobre trilhos. Bays alega que a mesma viagem aconteceu em 2007, por ocasião do 92º Congresso Universal de Esperanto, em Yohohama, no Japão. A crônica da travessia foi registrada no livro Vojaĝimpresoj el Siberio kaj Japanio, de autoria de Gerrit Berveling, publicado pela editora Fonto.

4 comentários:

Guilherme Bandeira disse...

Olá Fernando,

Só de ler o seu perfil já me tornei fã, pois tenho a mesma inquietação em passar o pouco que sei e estimular a critividade nas pessoas. Você citou a Academia Militar das Agulhas Negras, ganhei uma gincana de pintura lá...rs. Fique a vontade no "Olha que Maneiro!", qualquer coisa é só chamar!...rs.

Guilherme Bandeira
www.olhaquemaneiro.com.br
www.twitter.com/olhaquemaneiro

Galera do Marulo disse...

Valeu, meu Grande Seguidor Maneiro!
Quanta honra ser seguido por um publicitário e ilustrador do seu quilate! Fiquei curioso: gostaria de saber mais sobre a gincana que você faturou lá nas Agulhas Negras.

Guará Matos disse...

É amigo, muitoas outras instituições, governos e entidades tomaram prejuizo com atual crise.
Muitas crianças estão deixando de ter melhor escola, por conta da crise;
Obras que possem melhorar a vida das pessoas, também pararam por conta da crise;
Serviços sociais diminuiram de atuação, por conta da crise.
Mas só as necessidades é que não param.
Vamos torcer para um dia voltar tudo ao normal.
Abraços.

Galera do Marulo disse...

Obrigado, Guará, pelo comentário e pela oportunidade de visitar o seu blog. Como apóio a campanha GENTILEZA GERA GENTILEZA,fico lhe devendo , pelo menos, uma visita um pouco mais demorada.Deu para perceber que temos alguns interesses em comum.Destaco o que se refere ao aprendizado de coisas novas e úteis.
Também estou torcendo para que um dia tudo volte ao normal.Enquanto isso, ajo como um otimista, içando as velas ao invés de ficar lamentando apenas o surgimento de nuvens ameaçadoras.Faço sempre, dentro das minhas limitações, um pouquinho do que julgo possa vir a ser útil para muitos.